Entenda os diferentes tipos de iogurte

O iogurte é um aliado para quem está em busca da boa forma e de uma vida mais saudável. Além de ser ótimo para matar aquela fome que surge nos intervalos das refeições mais “pesadas”, digamos assim, ele é super indicado para um bom funcionamento intestinal e uma boa fonte de cálcio e vitaminas para o corpo. Mas você sabe a diferença de todos os tipos que existem no mercado? E suas finalidades? Bem, nesse post iremos desmistificar esse assunto e assim você irá sair entendendo um pouco mais sobre qual é a melhor opção para seu organismo.

Antes de irmos para cada item, é importante salientar a diferença entre iogurte e bebida láctea. Na maior parte dos estabelecimentos o que está presente é a bebida láctea, e não iogurte. A bebida láctea trata-se da mistura de leite com o soro do leite, com adição de amido de milho e outras substâncias que em comparação ao iogurte torna-se um opção menos nutritiva e, por sua vez, mais calórica. A relação de produtos naturais presente na bebida láctea é cerca de 50%, enquanto que no iogurte esse valor passa para cerca de 70%.

 

Iogurte Desnatado/Semidesnatado/Integral

A diferença principal entre essas opções é a quantidade de gordura presente. No iogurte desnatado essa quantidade é a menor possível, cerca de 0,5g a cada 100g do produto, enquanto esse valor no iogurte integral não tem restrição. Já o semidesnatado possui esse valor em 2,9g a cada 100g do produto. O iogurte desnatado é excelente para quem busca emagrecer e cuidar dos níveis de colesterol no sangue.

 

Iogurte fermentado

O iogurte fermentado é chamado assim por conter o “leite fermentado”, apesar de muitas vezes, não vir especificado nas embalagens, isso quer dizer que a concentração de bactérias que auxiliam o bom funcionamento intestinal é maior. Por isso, esse é um bom tipo de iogurte para quem busca o regulamento intestinal. Há estudos que confirmam que o consumo desse tipo de iogurte previne alguns tipos de câncer, como de estômago e intestino.

 

Iogurte Grego

O principal componente nesse iogurte é a presença elevada de proteína. Porém para contrabalancear a quantidade de gordura também é grande, isso ocorre porque a receita brasileira busca a cremosidade da textura, logo são acrescentados outros itens, que não se encontram na receita original, como creme de leite ou leite integral. Mas para quem busca uma opção com menos gordura, a versão light pode ser a saída.

 

Sites consultados:

http://www.alelocomerbemtdb.com.br/mitos-iogurtes/

http://www.guiadasemana.com.br/restaurantes/noticia/diferencas-entre-iogurtes-naturais-desnatados-integrais-e-fermentados

 

Comments

Comments are closed.