Matchá: a descoberta do momento

O novo chá que virou febre nos consultórios e em lojas de produtos naturais é o matchá. O nome pode ser até novo para alguns, porém sua base é de um velho conhecido nosso, da mesma planta do chá verde, preto e branco: a Camellia sinensis. Mas então porque ele e não os nossos conhecidos? É muito simples, o processo de fabricação é diferente. As folhas para o matchá são recolhidas mais novas que nos outros chás e a sua trituração é feita quase que artesanalmente, transformando as folhas em pó. Isso faz com que seus benefícios sejam potencializados.

 

Mas então, quais são seus benefícios? O chá permite a aceleração do metabolismo e a recuperação do músculo, para quem pratica atividades físicas. Além desses podem ser acrescidos na lista também redução na retenção de líquidos, sensação de saciedade e combate o envelhecimento.

 

O matchá, por ser em pó, pode ser consumido de várias maneiras, como por exemplo, o próprio chá. Mas existem outras formas de consumi-lo como em sucos, bolos e outras receitas.

 

Imagem: Google